Maravilhas naturais da Grã-Bretanha

Explore as intrigantes paisagens do país em alguns de seus sítios históricos mais espetaculares.

 

The Needles, Ilha de Wight, Inglaterra

The Needles (“As Agulhas”) são três rochas brancas e afiadas que já fizeram parte de um promontório na costa ocidental da Ilha de Wight, mas acabaram desunidas por um longo processo de erosão. A melhor vista que se tem delas é a partir do Needles Old Battery, um forte vitoriano construído para proteger a Grã-Bretanha de invasores. Em dias claros, o contraste dessas rochas brancas de calcário com o azul do oceano e do céu é realmente espetacular.

Você sabia?

Nenhuma dessas rochas tem propriamente formato de agulha. O nome se refere a duas rochas pontiagudas que faziam parte do conjunto e acabaram ruindo durante uma tempestade em 1764.

View of the Needles off the Isle of Wight
The Needles, off the Isle of Wight ©VisitBritain / Jason Hawkes

 

Malham Cove, North Yorkshire, Inglaterra

Esse paredão rochoso de 80 metros de altura, que se estende em forma de arco na baía de Malham, foi formado pelo deslocamento de água derretida no final da última Era do Gelo. As marcas do degelo ainda são visíveis no topo desse penhasco, um pavimento em pedra calcária todo recortado, de onde se avista a bela paisagem de Yorkshire. A área também é excelente para caminhadas.

Você sabia?

Malham Cove serviu de cenário para o filme Harry Potter e as Relíquias da Morte, Parte 1.

 

Costa Jurássica, East Devon e Dorset, Inglaterra

A Costa Jurássica, que se estende por 150 quilômetros dos condados de Dorset e Devon, abriga o primeiro sítio histórico britânico reconhecido como Patrimônio Natural Mundial. O que torna esta costa tão especial é sua sequência de penhascos formados em diferentes eras geológicas – explorá-los é como "caminhar através do tempo”, testemunhando marcas dos períodos triássico, jurássico e cretáceo, que representam 185 milhões de anos de lenta evolução. As trilhas no topo das falésias revelam formações espetaculares, como a Durdle Door, um grande arco de pedra calcária perto de Lulworth.

Você sabia?

Cenas do filme Wilde, baseado na vida de Oscar Wilde e estrelado por Stephen Fry e Jude Law, foram filmadas aqui.

People coasteering at the Durdle Door limestone rock arch on the Dorset Jurassic coastline
Coasteering at the Durdle Door limestone rock arch on the Jurassic coast, Dorset ©VisitBritain / Ben Selway

 

Cheddar Gorge, Somerset, Inglaterra

Esse desfiladeiro, o maior da Grã-Bretanha, foi escavado em Somerset por águas de um grande degelo ocorrido mais de um milhão de anos atrás. Nos dois lados do abismo há muito o que ver e fazer: trilhas de caminhada, paredões que desafiam montanhistas, cavernas que abrigam estranhas formações rochosas e até um rio subterrâneo.

Você sabia?

O mais antigo esqueleto humano completo da Grã-Bretanha, conhecido como o Homem Cheddar, foi encontrado em uma das cavernas daqui.

View of the sun breaking through the clouds at Cheddar Gorge in the Mendip Hills
Sun breaking through the clouds at Cheddar Gorge in the Mendip Hills, Somerset, England. ©VisitBritain / Stephen Spraggon

 

Penhascos de Seven Sisters, Sussex, Inglaterra

Os penhascos brancos são típicos da Inglaterra, e símbolo do orgulho britânico ao longo da história. Alguns dos mais famosos formam o conjunto rochoso conhecido por Seven Sisters ou “Sete Irmãs”, ao longo da costa histórica de Sussex. A melhor vista das Seven Sisters é a partir da reserva natural de Seaford Head. Você ouvirá dos moradores locais que a beleza austera desses penhascos já repeliu invasores no passado e acolheu marinheiros cansados.

Você sabia?

As Seven Sisters aparecem no filme Robin Hood – O Príncipe dos Ladrões.

 

Brimham Rocks, North Yorkshire, Inglaterra

Esta coleção de pedras milagrosamente equilibradas fascina os visitantes há séculos. Esculpidas ao longo de milhares de anos por processos variados de erosão, as rochas adquiriram os formatos mais curiosos, lembrando animais e figuras conhecidas. São o caso, por exemplo, das formações conhecidas por Watchdog (Cão de Guarda), Sphinx (Esfinge), Turtle (Tartaruga), Dancing Bear (Urso Dançante) e Camel (Camelo). O sítio histórico é operado pelo National Trust e está aberto o ano todo.

Você sabia?

Povos antigos acreditavam que essas rochas fossem esculturas talhadas por druidas.

 

Calçada do Gigante, Antrim, Irlanda do Norte

A Calçada do Gigante é uma intrigante estrutura rochosa que se espraia no sopé das falésias de basalto ao longo da costa acidentada de Antrim, na Irlanda do Norte. A área, reconhecida como Patrimônio Mundial pela UNESCO, é composta por cerca de 40 mil colunas de basalto negro que despontam para fora do mar. Esses pilares poligonais são tão estranhamente regulares que parecem ter sido formados pelas mãos humanas... de um gigante.

Você sabia?

Diz a lenda que a calçada é obra do gigante irlandês Finn McCool, que queria atravessar o Mar da Irlanda para lutar com seu rival escocês, Benandonner.

View out to sea at The Giant's Causeway in County Antrim, Northern Ireland
The Giant's Causeway, Northern Ireland, is the result of an ancient volcanic eruption ©VisitBritain / Craig Easton

 

Caverna de Fingal, Ilha de Staffa, Escócia

Esta gruta à beira-mar fica na ilha de Staffa, que faz parte das Hébridas Interiores, na costa oeste da Escócia. Formada pelo mesmo fluxo de lava que no passado criou a Calçada do Gigante, na Irlanda do Norte, a Caverna de Fingal tem sido há muito tempo uma inspiração para artistas e escritores. Sir Walter Scott declarou que ela superava qualquer descrição e o compositor Felix Mendelssohn compôs a Hebrides Overture depois de ouvir os ecos estranhos provocados pelo choque da água do mar com a caverna. A ilha de Staffa é desabitada, mas você pode visitá-la de barco a partir do continente.

Você sabia?

O nome gaélico da Caverna de Fingal, Uamh-Binn, significa “caverna de melodia”.

 

Península Trotternish, Ilha de Skye, Escócia

Esta península ao norte de Skyeesconde paisagens montanhosas espetaculares, que você pode desbravar de carro. As elevações, moldadas por deslizamentos de terra, concentram-se na área conhecida como Quiraing, onde despontam os picos Tolkien e o Old Man of Storr, uma coluna de basalto de 49 metros de altura. Foi nesta paisagem surpreendente que Bonnie Prince Charlie se escondeu das tropas do governo após a Batalha de Culloden, em 1746.

Você sabia?

Trotternish também é o lar de Kilt Rock, um penhasco de basalto hexagonal cujo formato lembra o desse tradicional traje escocês.

The Storr is a rocky outcrop on the Trotternish peninsula of the Isle of Skye.
The Storr is a rocky outcrop on the Trotternish peninsula of the Isle of Skye ©VisitBritain / Adam Burton

 

Glyder Fach e Glyder Fawr, Snowdonia, País de Gales 

Estas duas montanhas estão entre as mais marcantes de uma região de cenário dramático. Glyder Fach, com 994 metros de altura, é coroada por uma laje rochosa maciça, precariamente equilibrada, que atrai muitos escaladores e fotógrafos de natureza. Já Glyder Fawr, de 1.001 metros, premia os desbravadores com uma cúpula escarpada repleta de rochas pontiagudas.

Você sabia?

O Parque Nacional de Snowdonia também abriga o pico mais alto do País de Gales, Snowdon, de 1.085 metros de altura.