Tradições de Natal da Família Real

Troca de presentes, brincadeiras e ceias de Natal: como qualquer família, a Família Real também tem suas tradições natalinas. Aliás, historicamente, algumas tradições de Natal começaram com a Realeza Britânica, espalharam-se pela Inglaterra e depois ganharam o mundo. Conheça algumas delas, e se quiser passar o Natal como um membro da Família Real, eis aqui o que deve fazer!

1. Celebrações em Sandringham

 
 
 
 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by Adee Tallents @adeetallents) on

Todos os anos a Rainha faz a celebração de Natal para filhos, netos e agora bisnetos na Sandringham House, seu refúgio rural. É um evento íntimo para um grupo de aproximadamente 25 pessoas. A família chega ao palácio na véspera do Natal, sempre em ordem de importância - príncipe Charles, primeiro herdeiro do trono, deve ser o último a chegar.

O dia de Natal é mais formal e pode ser necessário até 7 trocas de roupa diferentes: a da igreja, a das refeições e até a de passear com os cachorros. A diversão mesmo acontece na noite da véspera, quando todos se juntam para decorar a árvore, brincam de charadas (favorito da Rainha) e fazem a troca de presentes - invoações 'alegres e baratas'. Quanto mais bobo e barato, melhor! Já teve de tudo, de galinhas de plástico a assentos almofadados para o vaso sanitário. Em uma das ocasiões, Harry deu à avó - a Rainha - uma touca de banho.

Sandringham fica aberta para visitação de março a outubro. O centro de atendimento ao visitante fica aberto o ano inteiro, então, se estiver nas redondezas pode passar na lojinha para levar um souvenir para casa. Não deixe de experimentar o famoso suco de maçã de Sandringham!

1
Sandringham Estate

2. Natal antecipado em Buckingham

 
 
 
 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by Chrystal Light (@chrystal_light) on

O que você faz quando não consegue acomodar a família inteira em uma única celebração de Natal? Faz várias celebrações, é claro! Como nem todos podem passar o Natal com a Rainha em Sandringham, ela normalmente organiza um almoço familiar para um grupo maior no Palácio de Buckingham - cerca de 50 pessoas, no começo de dezembro.

Caso você não seja um dos convidados à mesa da Rainha no Palácio de Buckingham, pode fazer um dos exclusivos tours guiados pelas salas de estado.

2
Palácio de Buckingham

3. Festividades na Osborne House

 
 
 
 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by Carolyn Littleton (@cazlittleton) on

Osborne House era a casa de férias da rainha Victoria e seu marido, o príncipe Albert. A Família Real vitoriana gostava de passar as semanas que antecediam o Natal lá e é onde muitas das tradições de Natal surgiram. O casal introduziu e popularizou na Grã-Bretanha tradições como a troca de presentes, os cartões e até as árvores de Natal.

Dezembro é uma época fantástica para visitar a Osborne House. Há árvores em todos os cômodos e mesas rangendo sob o peso da comida festiva - é quase como se a rainha Vitória e seus filhos ainda estivessem em casa.

3
Osborne House

4. Árvores de Natal no Castelo de Windsor

 
 
 
 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by Pam (@pamging) on

Victoria e Albert passavam o Natal em si no Castelo de Windsor, e foi a partir daqui que eles fizeram a árvore de Natal se tornar o tradição entre a população. O suplemento de Natal de 1848 do The Illustrated London News publicou uma gravura de Victoria, Albert e sua família reunidos em torno de sua árvore de Natal no Castelo de Windsor. Não demorou muito para as famílias em todo o país seguirem o exemplo.

Até janeiro o Castelo de Windsor fica todo enfeitado para o Natal, como costumava ser no início do século XIX. Uma deslumbrante árvore de abeto Nordmann, decorada com luzes e decorações douradas, forma uma magnífica peça central no St George's Hall.

4
Castelo de Windsor

5. Pilhas de presentes no Palácio de Kensington

 
 
 
 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by Elias Jahshan (@elias_jahshan) on

A rainha Victoria adorava presentes. Até o seu reinado, presentes simples como frutas e nozes eram tradicionalmente trocados no Ano Novo, mas, graças a Victoria, os presentes tornaram-se uma parte comum do Natal vitoriano. A cada ano, Victoria e Albert selecionavam grandes presentes que eram lindamente exibidos nas mesas. Ainda é possível ver alguns dos presentes em exibição em Kensington.

Visite o Palácio de Kensington entre o Natal e o início do Ano Novo, quando os quartos são adornados com decorações de Natal de inspiração vitoriana e preenchidos com os jingles de canções natalinas da época.

5
Palácio de Kensington

6. Peru no cardápio do Palácio de Hampton Court

 
 
 
 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by Historic Royal Palaces (@historicroyalpalaces) on

O rei Henrique VIII teria sido o primeiro membro da realeza a ter peru no cardápio, provavelmente no palácio onde morava, Hampton Court, quando os pássaros chegaram pela primeira vez à Inglaterra, na década de 1520. As festas Tudor aconteciam em uma escala épica, e o Natal não era exceção. Na mesa haveria cisne, ganso, veado e pavão, com a cabeça de um javali no centro. Um prato típico de Natal da família Tudor incluía pés e orelhas de porco em conserva. Nós provavelmente estamos melhores sem este legado dos Tudor, que tinha ainda a Christmas Pie - um pombo colocado dentro de uma perdiz, colocados dentro de uma galinha, que ia dentro de um ganso e por fim, dentro de um peru! Isso pode explicar o suposto peso de Henrique VIII em seus últimos anos de vida...

Descubra outras histórias intrigantes do Hampton Court Palace e de seu famoso morador em uma visita ao palácio, que fica lindamente decorado na época do Natal.

6
Palácio de Hampton Court
07 Aug 2019(last updated)