Nos passos da Realeza: 10 atrações para visitar

Wednesday 31 January 2018

Há algo na Família Real da Grã-Bretanha que fascina a todos nós. Talvez pela monarquia ter atravessado séculos de história e ainda preservar com afinco suas tradições; talvez pela pompa e pelo glamour. Mergulhe no universo da Família Real visitando 10 de seus palácios, castelos e até iate na Grã-Bretanha!

Palácio de Buckingham, Londres

Buckingham é a residência oficial da Rainha em Londres. O palácio conta com 775 cômodos, mas nem todos são da monarca - como Buckingham é uma sede administrativa, são 188 quartos dedicados aos funcionários e 96 escritórios. A Rainha fica em Buckingham de segunda a sexta - no fim de semana, ela segue para Windsor. Já no verão a Rainha aproveita para ficar em seu castelo na Escócia, e é nesta época que as portas do palácio são abertas para visitação, de julho a setembro.

Palácio de Kensington, Londres

O Palácio de Kensington é o lar da nova geração de monarcas da Grã-Bretanha - lá vivem o príncipe William, a duquesa Kate e os pequenos George e Charlotte. Também é a morada do príncipe Harry, enquanto solteiro. Antes foi o lar da princesa Diana, e a exposição permanente dos vestidos deslumbrantes usados por ela é um dos motivos que atraem visitantes ao local.

Castelo de Windsor, Windsor

Windsor é o maior castelo habitado do mundo e tem sido lar de reis e rainhas há mais de mil anos. Para saber se a Rainha está em casa, basta olhar a bandeira sobre a Round Tower: se for a bandeira da monarquia, Elizabeth II está em casa. Visitar o castelo a partir de Londres é fácil - um trem conecta as duas cidades em um trajeto de 30 minutos.

Castelo de Hever, Kent

Apesar de a atual Família Real não usar Hever como residência, este castelo tem um passado histórico importante. Aqui viveu Ana Bolena, a primeira esposa do rei Henry VIII, condenada à morte por ele. Este acontecimento trouxe grandes transformações para a Inglaterra e esta é a história que você pode conhecer melhor ao visitar o castelo.

Sandringham House, Norfolk

No leste Inglaterra, Sandringham House é uma propriedade privada da Família Real, ao contrário de Buckingham, Windsor e Kensington, que pertencem à Coroa (parece a mesma coisa, mas não é!). Sandringham era a residência favorita do rei George V, pai de Elizabeth II, e tradicionalmente o Natal é comemorado lá ano a ano. De abril a outubro a Sandrigham House fica aberta à visitação.

Castelo de Balmoral, Terras Altas

Situado em meio às montanhas escocesas, o Castelo de Balmoral é a residência da Rainha na Escócia, para onde ela segue nos meses de agosto e setembro. Há passeios pelas florestas do Balmoral Estate, com guias especialistas, à bordo de Land Rovers. Um passeio ideal para quem gosta de natureza. O castelo em si pode ser visitado entre os meses de abril e julho.

Palácio de Holyrood, Edimburgo

Em um dos extremos da Royal Mile, o Palácio de Holyrood é a residência oficial da Rainha em Edimburgo, na Escócia. Todo verão a monarca passa uma semana no palácio, antes de seguir para Balmoral. Mas Holyrood é famosa mesmo por conta de Mary, rainha dos escoceses, que viveu no palácio no século 16 e se tornou um dos grandes personagens da história do país. 

Iate Real Britannia

O Royal Yacht Britannia é o antigo iate da Família Real, que se tornou atração em Edimburgo. A embarcação esteve em uso por 43 anos e levou a Rainha em missões e viagens ao redor do planeta. Visitá-la é uma oportunidade única de ver de perto a suíte da Rainha, por exemplo. Aliás, a Rainha gostava tanto do iate que se emocionou na cerimônia de desativação, em 1997.

Palácio de Hampton Court, Londres

O Palácio de Hampton Court não é frequentado pela atual Família Real, mas tem altas histórias para contar sobre o rei Henry VIII, que escolheu (e confiscou!) este palácio nos arredores de Londres para torná-lo a sua morada principal. Hampton Court é belíssimo, seus jardins são exuberantes e seu labirinto é imperdível.

Tower of London, Londres

A Torre de Londres não é uma residência oficial nos dias de hoje, mas já foi o centro do poderoso Império Britânico no passado. Por conta disso, tornou-se Patrimônio da Humanidade. Mas o destaque aqui é a exposição permanente Crown Jewels - o único lugar onde é possível ver de perto a coroa e o cetro usados pelos reis e rainhas que já passaram pelo trono da Grã-Bretanha. 

Últimos posts

7 tradições curiosas da Família Real

7 tradições curiosas da Família Real

Nos passos da Realeza: 10 atrações para visitar

Nos passos da Realeza: 10 atrações para visitar

25 lugares para conhecer na Inglaterra em 2018

25 lugares para conhecer na Inglaterra em 2018

Trem de luxo de Londres ao interior da Inglaterra

Trem de luxo de Londres ao interior da Inglaterra

O Natal da Família Real

O Natal da Família Real