Deslocando-se pela Grã-Bretanha

Viajar pela Grã-Bretanha

A escolha da melhor maneira de transporte depende de onde e quando deseja ir, ainda que as opções mais rápidas e convenientes sejam as mais caras. O website www.rome2rio.com lista diversas alternativas para chegar até o destino escolhido.

As distâncias entre dois pontos quaisquer dentro do continente britânico são relativamente pequenas, por este motivo, a viagem aérea somente é útil entre extremos, como Londres e Edimburgo.

A viagem de trem é a melhor opção se desejar visitar as principais cidades da Grã-Bretanha, embora as tarifas possam ser muito caras, principalmente nos horários de pico. Se você planeja viajar bastante pela Grã-Bretanha, invista em um rail pass. Você pode comprar um antes de chegar ao Reino Unido; e vários esquemas atendem aos visitantes estrangeiros. A BritRail oferece diversas opções de bilhetes ferroviários para apenas alguns dias ou até duas semanas. Os ônibus de viagem cobrem um grande número de destinos no Reino Unido e são mais baratos do que trens, porém, demoram mais e podem ser menos confortáveis.

Para viagens de turismo fora das capitais, pode ser mais fácil alugar um carro do que contar com o transporte público. O aluguel do veículo pode ser feito nos principais aeroportos, estações de trem e lojas no centro da cidade. Pequenas empresas locais geralmente oferecem preços mais atraentes do que as operadoras grandes, porém, podem ser menos confiáveis ou convenientes. Garanta um bom negócio reservando com antecedência.

Áreas menores, como os parques nacionais da Grã-Bretanha, podem ser explorados de forma mais prazerosa utilizando transportes como bicicleta, barco ou cavalo. Ocasionalmente há opções pitorescas, como a barco a remo entre Southwold e Walberswick no estuário de Blyth. Balsas grandes para veículos viajam até as ilhas britânicas.

Há táxis disponíveis em todas as principais rodoviárias e estações de trem. Não use carro e evite o desgaste de dirigir nos centros congestionados.